Seis traços de pessoas ricas… emocionalmente

Seis traços de pessoas ricas… emocionalmente

O sucesso é um alvo em movimento. Trabalhamos continuamente mais e mais – o próximo aumento está ao virar da esquina; se pudermos apenas conseguir aquela promoção, então estaremos felizes. Mas raramente estamos. Mesmo que consigamos o aumento e a promoção. A busca da felicidade é um sonho fugaz. Isto porque a riqueza monetária, a mobilidade ascendente nas empresas, bem como a aquisição de coisas, não cria felicidade.

A felicidade é o subproduto da riqueza emocional. Não é algo que se compre. Constrói-se a partir de dentro. Todos os dias. Quer ser feliz? Pode começar por adotar os seguintes traços das pessoas emocionalmente ricas:

1. Decida ser feliz
É uma decisão. Pode aceitar a sua situação com graciosidade e paciência; continuando a avançar. Olhe em volta e veja, verdadeiramente, como tem sido abençoado. A sua vida não é perfeita e nunca será. Esteja feliz em relação a onde está hoje, e onde vai estar amanhã.

2. Pare de reclamar
Sim, tem o hábito de reclamar. Tome a decisão consciente de falar apenas em coisas positivas. Vai ficar agradavelmente surpreendido com a forma como todos reagem. Comece a cumprimentar as pessoas. Encontre algo de bom para dizer, mesmo a estranhos.

3. Ore. Ou medite
Que seja a primeira coisa que faz a cada manhã e várias vezes ao longo do dia. Tente movimentar a sua consciência para longe de si.

4. Seja gentil
Raramente há uma boa desculpa para a falta de cortesia. Se tratar bem as pessoas vai sentir-se melhor consigo mesmo e com os outros.

5. Invista nos outros
Colocar as necessidades dos outros acima das nossas é uma parte inata de quem somos como seres humanos. Estamos sempre no nosso melhor, e sentimo-nos melhor, quando servimos os outros.

6. Leia livros
Não os de autoajuda, de como-ter-sucesso-no-negócio. Pegue num romance reconhecido e perca-se nele. Este género de pequenas atividades, quando praticadas intencionalmente, abrem a porta para a felicidade real. E não lhe custam quase nada.

Fonte: Inc.com

04-10-2017


Portal da Liderança