Ações que alavancam a empresa a custo zero

Ações que alavancam a empresa a custo zero

Para que um projeto arranque ou passe por uma fase de crescimento é necessário ter capital e recursos. Já no dia a dia há várias medidas simples e sem encargos que tanto o líder como os colaboradores (entre si) podem levar a cabo no sentido de aumentar a produtividade e potenciar a motivação – e que requerem zero crédito ou dispêndio de tempo a angariar fundos. E que são tão fáceis de implementar:

1 – Fazer um elogio
O nosso ambiente de trabalho tornou-se, em grande medida, excessivamente suscetível. Escolhemos todas as palavras e por vezes podemos ser excessivamente diplomáticos – o que não tem nada de mal, mas pode levar-nos a perder oportunidades para reconhecer pequenos aspetos nos outros que poderiam ajudar a animar as hostes. Não tenha receio de fazer um elogio sincero sobre um novo penteado, uns sapatos ou algo que não tenha propriamente a ver com o escritório.

2 – Agradecer de forma genuína
Costumamos lançar “obrigado” por tudo e por nada. Da próxima vez que alguém completar uma tarefa ou lhe fizer um favor, mostre o seu apreço olhando a pessoa nos olhos e diga algo como “agradeço mesmo que tenhas feito isto por mim. Obrigado”.

3 – Deixar uma nota inspiradora
Seja num post it, numa folha para alguém, ou até no quadro da empresa para que todos possam ver – uma dose diária de inspiração pode elevar o bom humor de todos aqueles que a veem.

4 – Fazer café para alguém
Da próxima vez que tirar um café, ofereça outro a um membro da equipa. Bónus: fica a saber as preferências de cada elemento no que diz respeito à ingestão de cafeína!

5 – Limpar
Numa organização de grande dimensão e em crescimento a maioria das pessoas não espera que o “chefe” ou os responáveis de topo façam tarefas rotineiras no escritório. O líder, ao levar o próprio lixo, limpar a máquina do café, ou até limpar o espelho do WC, demonstra que está disposto a entrar nas trincheiras com o resto da equipa.

6 – Ser pontual
Chegar a tempo e até mais cedo às reuniões – sobretudo as que são marcadas por terceiros – mostra que respeita todos os participantes e lhes dá importância.

7 – Demonstrar (ter) integridade
Ao lidar com os diferentes desafios no negócio opte sempre pelo caminho que gostaria que o resto da equipa siga.

8 – Fazer um esforço extra
O perfecionismo pode ser um fardo e arruinar o entusiasmo, no entanto, ao fazer um esforço que vai além do que espera de si próprio e da sua equipa está a estabelecer um exemplo para todos seguirem.

9 – Sorrir
Simples e eficaz. E ajuda a impulsionar a boa disposição das chefias e dos colaboradores.

10 – Manter a energia em alta
A energia é contagiosa – como também é a falta de energia. Nem sempre é fácil manter um elevado nível de energia, razão pela qual é importante que os líderes tenham um regime de alimentação saudável, o sono em dia e rotinas certas.

11 – Ouvir
Ser um grande ouvinte requer paciência, prática e a capacidade de saber quando desligar o próprio input, e que leva a ganhar o respeito de quem nos rodeia.

12 – Manter o contacto visual
Ao olhar os interlocutores nos olhos demonstra enfoque e interesse. Não tem de ser estranho ou desconfortável, mas tente, pelo menos, evitar olhar para o seu telemóvel ou espreitar por cima do ombro de quem está a falar.

13 – Mostrar otimismo e entusiasmo
É importante que seja honesto e transparente com a sua equipa, mas também é crucial que saiba como liderar as pessoas em tempos difíceis. 

14 – Escrever uma nota à mão
Em vez de enviar um rápido e-mail, tire um tempo e faça um esforço para escrever num bloco de notas o que precisa e entregue em mão. Além disso, cada nota de “obrigado” deve ser manuscrita. O esforço vai ser notado.

15 – Socializar
Embora a atual disposição dos escritórios, por norma em open space, melhore a colaboração e o bom relacionamento entre colegas, ainda é importante “fazer a ronda” e socializar com os pares. Deve evitar, no entanto, usar este tempo para microgerir, ou vai acabar por irritar tudo e todos. 

16 – Usar os nomes próprios
Foi o escritor e orador Dale Carnegie quem disse que “o nome de uma pessoa é para ela o som mais doce e mais importante em qualquer idioma”. Ao incluir na conversa ocasionalmente (e corretamente) o nome da pessoa com quem está a falar demonstra que está focado e lhe dá valor.

17 – Oferecer ajuda
Embora seja recomendável que evitemos trazer os problemas pessoais para o escritório, é quase impossível manter todos os problemas lá fora. Se ouvir rumores de que há membros da equipa a passar por tempos difíceis ofereça-se para ajudar – nem que seja só para ouvir.

18 – Indagar sobre a família
Saiba os nomes dos filhos, irmãos e até animais de estimação e, ocasionalmente, faça perguntas sinceras sobre como eles estão.

19 – Dar “mais cinco”
Está mais que provado que o contacto pessoal e físico – como um aperto de mão firme ou uma mão nas costas ou no ombro – tem um impacto positivo na comunicação. Claro que nem todo o tipo de contacto físico é bem-vindo ou apropriado, pelo que é bom saber que há limites que não deve transpor. Basta lembrar que o “dá cá mais cinco” é geralmente reconhecido e universalmente aceite.

20 – Ser autêntico
Apesar de todas estas dicas custarem zero, vão contudo acrescentar zero valor – e podem até ter o efeito oposto – se não houver sinceridade.

13-03-2017

Fonte: Entrepreneur


Portal da Liderança